Os docentes foram até a Seduc no dia 29/06 entregar as propostas aprovadas em assembleia para que a atribuição de aulas de 2017 seja transparente e mais justa, diferente do que ocorreu nesse ano onde tivemos inúmeras denúncias de vagas ocultas e/ou reservadas.

O documento entregue foi produzido pelo Grupo de Trabalho formado por professores junto com o sindicato e aprovado em assembleia. O Grupo fez um levantamento dos principais problemas da atribuição de 2016 e elaborou propostas objetivas para que esses problemas sejam sanados ou, no mínimo, diminuam. Outra reivindicação também protocolada é para que se marque uma reunião que discuta ponto-por-ponto essas propostas para a atribuição.

Mesmo com o recesso, o GT não irá dispersar. Já foi marcada uma reunião no dia 25/07 (segunda-feira) a partir das 18h na sede do sindicato (Av. Campos Sales, 106 – Vila Nova) para discutir a organização e mobilização do magistério no segundo semestre. Vale lembrar que o Grupo é aberto, todos os professores municipais de Santos estão convidados.

O encontro é importante porque, para alcançar conquistas tanto na atribuição, quanto nas demais pautas (todas elas já devidamente protocoladas), será necessário que o movimento dos professores volte do recesso com força total.

A LUTA CONTINUA!

Deixe um Comentário

Você precisa fazer login para publicar um comentário.