Em assembleia realizada nesta quarta-feira (12/08), os professores definiram diretrizes para organizar a luta pelo Plano de Carreira do Magistério.

Elas envolvem basicamente três mecanismos:
– Reuniões semanais de estudo e elaboração do documento-proposta;
– Ampla divulgação das propostas que forem surgindo da própria categoria e do Governo, por meio de boletins específicos, visitas às escolas e reuniões pedagógicas com representantes de cada UE;
– Assembléias permanentes para discussão e aprovação das propostas.

O Governo tem prazo até dezembro para implementar o plano de carreira do magistério e deverá usar da velha tática de enrolar o quanto puder, deixando para a última hora o envio do projeto à Câmara.

Atento à manobra, o Sindserv  está se antecipando e chamando para o debate os professores. O objetivo é socializar as informações e envolver o maior número possível de participantes para resistir à tentativa de retirada de direitos implícita na proposta governista elaborada pela Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Queremos garantir um plano de carreira que realmente estimule e permita a evolução na carreira, nos moldes da Resolução n. 02 do MEC. O Governo pretende, por meio do estudo da FGV, acabar com os adicionais por tempo de serviço (quinquênio e letra de 8 anos) e fixar a progressão na carreira somente por meio de avaliação de desempenho em caso de disponibilidade financeira, sem considerar outros critérios fundamentais como titulação, experiência e aperfeiçoamento. Estes são apenas dois exemplos de ataque à classe dos professores municipais embutidos neste estudo.

A Prefeitura ainda não apresentou oficialmente as propostas ao Sindserv, que aguarda uma resposta para a abertura das negociações.  Tão logo ocorra a primeira reunião com a Secretaria de Administração, o sindicato convocará assembléia imediatamente para transmitir os informes.

REUNIÕES
Semanalmente serão realizadas reuniões na sede do Sindserv com a comissão de pesquisa e elaboração do plano. O próximo encontro, que é aberto a todos os educadores que queiram participar, será na próxima segunda-feira (17/08), às 19 horas, na sede do sindicato (Av. Campos Sales, 106).

PARTICIPEM!

Confira no link abaixo o que diz a Resolução n. 2 do MEC, que fixa as diretrizes para a implantação dos planos de carreira para o Magistério nos Estados e Municípios.
 

Deixe um Comentário

Você precisa fazer login para publicar um comentário.