Na sexta-feira passada a Prefeitura mandou para o sindicato uma nova proposta de reajuste nos salários, auxílio-alimentação, cesta básica e contribuição patronal para a CAPEP Saúde. Venha analisar coletivamente essa nova proposta:
04/02 (QUARTA-FEIRA), 19h
LOCAL: Sindicato dos Petroleiros (Av. Conselheiro Nébias, 248, Vila Mathias)
 
Na primeira assembleia, realizada no dia 22/01, a categoria REJEITOU integralmente a proposta inicial do governo. Além disso, discutimos e deliberamos qual são as NOSSAS reivindicações para esse ano nessa campanha salarial. Já no dia seguinte (23/01), uma comissão de servidores junto com o sindicato entregou a pauta para a Prefeitura.
 
Veja abaixo a pauta aprovada pela assembleia e junte-se nessa luta!
 
NÃO BASTA APENAS ESPERAR, É PRECISO PARTICIPAR!
 
O que Como está atualmente 1ª proposta da Prefeitura (REJEITADA) Reivindicação da categoria
Salários Péssimos 6,5% de reajuste 11,5% de reajuste
Auxílio-Alimentação R$ 15,19 por dia (R$ 334,17/mês), quem tem 2 registros só recebe 1 R$ 16,18 por dia (R$ 355,89/mês), continua recebendo apenas 1 quem tem 2 registros R$ 20,00 por dia (R$ 440,00/mês), extensivo a todos os cargos da Prefeitura
Cesta Básica R$ 200, para parte dos ativos e parte dos inativos R$ 213, continua apenas para quem já recebe R$ 440, extensivo a todos os cargos da Prefeitura, ativos e inativos
Contribuição da Prefeitura para a CAPEP 3,50% 3,75% (mais 0,25%) 4,50% (mais 1,00%)
Quadro de funcionários Falta de pessoal em diversas áreas, sobrecarregando os servidores Abertura de concursos públicos para todas as áreas com falta de pessoal, imediata nomeação de todos os concursados, criação de novos cargos e o cumprimento integral dos planos de carreira
Terceirizações pelas OSs/OSCIPs Leis que autorizam a terceirização para OSs e OSCIPs já foram aprovadas, mas (por enquanto) nenhuma foi implantada Revogação das Leis aprovadas em 2013 sobre OSs e OSCIPs
Terceirizações atuais A Prefeitura usa de diversas formas para burlar as Leis trabalhistas e precarizar ainda mais o trabalho Extinção de todas as terceirizações, privatizações, contratos pela Lei 650 e outras formas de trabalhos precarizados tais como Escola Total, pagamento por cheque ("chequinhos"), frente de trabalho e similares que já ocorrem no município
Estatuto dos Servidores Municipais Leis espalhadas e de difícil acesso para os servidores Compilação, em um único documento, de todos os dispositivos legais relativos ao Estatuto dos Servidores Municipais
 
NENHUM DIREITO A MENOS!
AVANÇAR RUMO A NOVAS CONQUISTAS!

Deixe um Comentário

Você precisa fazer login para publicar um comentário.