Na última manifestação que fizemos para manter o adicional de titularidade, o secretário de gestão se comprometeu a agendar reunião com os servidores, para discutir a tramitação do projeto que está na Câmara dos Vereadores.
A reunião que havia sido marcada para o dia 01 de julho foi cancelada e até agora não houve reagendamento, estão aplicando mais um passa-moleque na categoria.
A ideia deles é a de sempre: empurrar a discussão com a barriga e depois, juntamente com os vereadores, atropelar a categoria.
Sendo assim, não nos resta outra alternativa que não seja cobrar pessoalmente a posição do governo e novamente reforçar a nossa.
Vamos ao Paço Municipal nesta quinta-feira, 11/07, às 17h30 para dizer que não engoliremos esta enrolação.
A titularidade é um direito conquistado com mobilização e só será mantido com a luta da categoria, compareça!!!