Os servidores compareceram em peso no ato de entrega ao Governo do Plano de Cargos e Salários construído pela própria categoria.

O chefe do gabinete do prefeito Papa, Edson José Pinzan, recebeu a minuta aprovada em assembleia. Os servidores deram um prazo para que até 1º de março o projeto de lei seja encaminhado à Câmara para aprovação, a tempo de quaisquer impedimento legal em função do ano eleitoral comece a valer.

Pinzan se comprometeu a levar o documento à análise de Papa e dos técnicos da Prefeitura e a chamar os dois sindicatos para discutir os pontos de divergência.

A luta continua. Pedimos que todos os servidores se mantenham mobilizados e atentos para os próximos desdobramentos.

NENHUM DIREITO A MENOS! AVANÇAR NAS CONQUISTAS!

 

Deixe um Comentário

Você precisa fazer login para publicar um comentário.