Na última quinta-feira, cansados de esperar uma respostas aos pedisos de abertura das negociações da campanha salarial, diretores do Sindserv foram exigir do secretário de Administração, Edgard Mendes Baptista Jr., uma posição.

O que ouviram é que a Prefeitura não promete nem mesmo o repasse da inflação para a categoria, devido a uma queda de arrecadação do ISS nas contas do Município. O argumento é de que a crise internacional teria chegado à Cidade. Uma reunião foi marcada para o próximo dia 10. No dia seguinte haverá assembléia para definir os próximos passos a tomar diante do que for anunciado pelo secretário.

É bom lembrar que em novembro do ano passado a crise já estava instalada no mundo todo e, mesmo assim, o prefeito deu para si mesmo e para os seus secretários um aumento de 28,53%. Amargamos perdas salariais de 90% nos últimos 12 anos e agora querem nos fazer pagar pela crise.

A assembléia será no dia 11/03,  às 19 horas, no Sindicato dos Metalúrgicos (Av. Ana Costa, 55). Compareçam!!

 

 

 

Deixe um Comentário

Você precisa fazer login para publicar um comentário.