Mais uma vez a intransigência e falta de vontade do prefeito em negociar com a categoria marcam a campanha salarial dos servidores municipais.
Incisivo, o secretário de Administração Edgard Mendes Baptista Jr, enviou ontem o recado de Papa aos trabalhadores: “As negociações estão encerradas. Não há mais o que avançar. Não haverá recuo e já estamos enviando o projeto à Câmara”.
A truculência no trato com a categoria surpreendeu quem ainda acreditava no diálogo. Diante da falta dele, cerca de 40 trabalhadores que foram até a Prefeitura fazer um apelo pela reabertura das negociações (um clamor do próprio funcionalismo expresso na última assembléia) mas não foram atendidos, se dirigiram à sessão da Câmara para sensibilizar os vereadores a não votar o projeto do Executivo antes da reabertura de nova rodada.
Enquanto o Executivo quer dar 7% de reajuste (sendo 5% de recomposição da inflação e 2% de aumento real) os servidores pedem 18,37%. Usando a desculpa da Lei de Responsabilidade Fiscal como álibi para deixar de ouvir a categoria, o prefeito fecha a porta de seu gabinete para qualquer tentativa de discussão sobre a melhoria da contraproposta. Mas essa desculpa não cola mais.
Veja o porquê:
Em matéria de A Tribuna, publicada ontem (21/02), Papa diz que "está oferecendo o máximo dentro do limite prudencial". Isso não é verdade!!! É só fazer contas. Se os 7% oferecidos, segundo o prórprio prefeito, geram um custo a mais na folha de R$ 42 milhões e se a folha hoje é de R$ 408 milhões, considerando a previsão de arrecadação publicada no DO para 2008, que é de R$ 949 milhões, o aumento que o prefeito quer dar impactaria em 47,4% do orçamento. O limite prudencial previsto pela Lei de Responsabilidade Fiscal é 51%.
Conclusão: TEM MARGEM PARA MELHORAR ESSE PERCENTUAL!

 Abaixo publicamos novamente a tabela comparativa entre a nossa proposta e a contraproposta da Administração:

TABELA DE REMUNERAÇÃO DE SALÁRIO BRUTO DA PROPOSTA DA ADMINISTRAÇÃO DE 7% MAIS 220,00 DE AUXILIO ALIMENTAÇÃO E 90,00 DE CESTA BÁSICA
 
NIVEL
SALÁRIO
BASE
PCCS
SALÁRIO BRUTO
AUXILIO
ALIMENT
CESTA
BÁSICA
TOTAL
N-A
427,00
191,25
618,25
220,00
90,00
928,25
N-B
448,14
218,20
666,34
220,00
90,00
976,34
N-C
471,29
247,10
718,39
220,00
90,00
1028,39
N-D
496,99
278,26
775,25
220,00
90,00
1085,25
N-E
525,14
311,83
836,97
220,00
90,00
1146,97
N-F
556,12
348,07
904,19
220,00
90,00
1214,19
N-G
590,19
387,28
977,47
220,00
90,00
1287,47
N-H
627,65
429,81
1057,46
220,00
90,00
1367,46
N-I
668,88
475,98
1144,86
220,00
90,00
1454,86
N-J
714,21
526,16
1240,37
220,00
90,00
1550,37
N-L
764,08
580,86
1344,94
220,00
90,00
1654,94
N-M
818,94
640,58
1459,52
220,00
——
1679,52
N-N
879,29
705,72
1585,01
220,00
——
1805,01
N-O
945,66
776,95
1722,61
220,00
——
1942,61
 N-O        médico, médico veterinário e cirurgião dentista
 
20H/SEM
472,83
1426,29
1899,12
110,00
——
2009,12
24H/SEM
567,40
1711,55
2278,95
110,00
——
2388,95
30H/SEM
709,25
2139,44
2848,69
220,00
——
3068,69
36H/SEM
851,09
2567,33
3418,42
220,00
——
3638,42
40H/SEM
945,66
2852,59
3798,25
220,00
——
4018,25

 
CONTRAPROPOSTA DO SINDSERV APRESENTADA EM ASSEMBLÉIA DO  DIA 20/FEV/2008
TABELA DE REMUNERAÇÃO DO SALÁRIO BRUTO DA PROPOSTA DA ASSEMBLÉIA DE 18,36% +220,00 DE AUXILIO ALIMENTAÇÃO E 110,00 DE CESTA BÁSICA, EXTENSIVO A TODOS OS NÍVEIS E APOSENTADOS
 
NIVEL
SALÁRIO
BASE
PCCS
SALÁRIO
BRUTO
AUXILIO
ALIMENT
CESTA
BÁSICA
TOTAL
N-A
473,65
212,15
685,80
220,00
110,00
1015,80
N-B
497,04
242,00
739,04
220,00
110,00
1069,04
N-C
522,64
274,02
796,66
220,00
110,00
1126,66
N-D
551,07
308,54
859,61
220,00
110,00
1189,61
N-E
582,21
345,72
927,93
220,00
110,00
1257,93
N-F
616,48
385,85
1002,33
220,00
110,00
1332,33
N-G
654,16
429,26
1083,42
220,00
110,00
1413,42
N-H
695,60
476,35
1171,95
220,00
110,00
1501,95
N-I
741,22
527,45
1268,67
220,00
110,00
1598,67
N-J
791,35
582,99
1374,34
220,00
110,00
1704,34
N-L
846,52
643,52
1490,04
220,00
110,00
1820,04
N-M
907,20
709,61
1616,81
220,00
110,00
1946,81
N-N
973,96
781,70
1755,66
220,00
110,00
2085,66
N-O
1047,38
860,52
1907,90
220,00
110,00
2237,90
     N-O        médico, médico veterinário e cirurgião dentista
 
20H/SEM
513,61
1549,30
2062,91
110,00
110,00
2282,91
24H/SEM
616,32
1859,13
2475,45
110,00
110,00
2695,45
30H/SEM
770,40
2323,91
3094,31
220,00
110,00
3424,31
36H/SEM
924,49
2788,72
3713,21
220,00
110,00
4043,21
40H/SEM
1027,21
3098,57
4125,78
220,00
110,00
4455,78

 

Deixe um Comentário

Você precisa fazer login para publicar um comentário.