Os servidores que não fugiram a luta e seguiram com coragem a sua consciência fizeram a lição de casa e mostraram com a ampla adesão à paralisação de 24 horas que não vão engolir 1,5% calados.

Ainda não saiu um balanço oficial da quantidade de funcionários que fizeram a greve, mas a imprensa já divulgou que a adesão ficou perto dos 70%. A julgar pela quantidade de servidores que foram à Praça Mauá nesta manhã para cumprir seu horário de trabalho, o cálculo está correto, Estimativa da Polícia Militar é que mais 2.500 pessoas participaram da passeata pelas ruas do Centro. Perto de igual número esteve na Praça na parte da tarde, E sabemos que muitos trabalhadores fizeram greve mas não foram até os atos.

A advertência ao Governo está dada e os servidores estão de parabéns pelo envolvimento. Mas a posição da administração é dura e novos passos precisarão ser dados para conquistarmos avanços.

As próximas decisões serão tomadas pela maioria da categoria em uma assembleia unificada dos dois sindicatos, marcada para a próxima quinta-feira, às 19h, no auditório do Sindipetro – avenida Conselheiro Nébias, 248.

Diante da intransigência do prefeito Paulo Alexandre Barbosa, não está descartada uma greve maior e por tempo indeterminado.


PARABÉNS A TODOS OS TRABALHADORES QUE PENSARAM NO CONJUNTO E FIZERAM A SUA PARTE! A LUTA ESTÁ SÓ COMEÇANDO!



NENHUM DIREITO A MENOS! AVANÇAR RUMO A NOVAS CONQUISTAS!

Deixe um Comentário

Você precisa fazer login para publicar um comentário.