A Prefeitura de Santos quer dar um calote no Plano de Cargos dos servidores. Neste mês de novembro, finalmente pagaram os funcionários contemplados com a nova referência funcional por conta da Avaliação de Desempenho (esse pagamento deveria ser feito desde abril!). Mas, fazendo jus ao partido no qual é filiado, o prefeito só desembolsou referente à novembro. E o retroativo, tucanada?!? São 7 meses de dívida (de abril a outubro).

É isso que os servidores vão cobrar em ato no dia 28/11 (quinta-feira) a partir de 12h, com concentração geral às 17h, na Praça Mauá, em frente à Prefeitura.

Para pagar os servidores, mil problemas! Já para os empresários…

No último dia 18, o tucano aprovou na Câmara dos Vereadores uma Lei que permite privatizar a Prefeitura inteira. Não contente com isso, achou uma maneira de entregar os equipamentos e serviços que as grandes empresas não quiserem explorar. Mandou para os vereadores outro Projeto de Lei que habilita "Organizações Sociais" (empresas disfarçadas de sociais, que pagam salários milionários para seus gestores) para abocanharem serviços menores.

O TUCANO vai agradar os amigos, acabar paulatinamente com a categoria dos servidores públicos, e para jogar a pá de cal, matará a CAPEP e as APOSENTADORIAS por falta de contribuições de novos servidores.

É HORA DE DEFENDER, PRESENCIALMENTE, O SERVIÇO PÚBLICO
 E O NOSSO TRABALHO COMO SERVIDORES.


SÓ A LUTA MUDA A VIDA

Deixe um Comentário

Você precisa fazer login para publicar um comentário.