Segunda-feira, 9 de dezembro, entrará para a história de Santos. Ou porque os funcionários públicos, junto com a população, conseguiram BARRAR a entrega de todos os serviços públicos e dos patrimônios do município, ou pelo seu contrário: Será lembrado como o fatídico dia onde os vereadores assinaram embaixo do desmonte integral da Prefeitura promovido pelo Paulo Alexandre Barbosa (PSDB).

Você pode mudar esse desfecho. Vá à Câmara (Prédio do Castelinho – Antigo Bombeiros), às 18h (concentração às 17h), e demonstre que não aceita as privatizações. Os vereadores só se sensibilizarão se ficarem constrangidos o suficiente, e somente a sua presença física pode fazer isso.

Essa será a segunda votação do Projeto de Lei 282/2013 que se resume em dar de mão beijada todos os equipamentos e serviços públicos para empresas privadas que se disfarçam de "Organização Social".

Na primeira votação, muito protesto!

No dia 5/12, os servidores encheram a galeria da Câmara e protagonizaram um apitaço com batucada ensurdecedor. O tempo fechou e até chuva de milho e moedas foi registrado. Mesmo assim os vereadores deram continuidade aos "trabalhos".

Como era previsto, a esmagadora maioria deles não tem um pingo de vergonha na cara e votou pela aprovação da Lei. A única surpresa foi um voto contrário da própria base governista e algumas abstenções. Surpresa porque vieram de políticos que, sem pestanejar, deram o aval para as PPPs (Parcerias Público-Privadas) no último dia 18.

Trechos do projeto foram lidos em plenário e provocaram revolta nos servidores presentes. Isso porque qualquer funcionário poderá ser realocado de uma hora para outra, sem direito a questionar nada, caso a Prefeitura decida doar para a Organização "Social" os serviços que deveriam ser públicos. Pior ainda, se assim a administração municipal desejar, o servidor será OBRIGADO a trabalhar para a OS. Outro ponto que causa repulsa geral é a total falta de fiscalização dessas entidades e do dinheiro público que é entregue.

Mas para a maioria dos vereadores, tudo bem, nada disso é grave. O importante é votar a favor do que o chefinho mandou. Veja a lista dos vereadores que votaram a favor das privatizações:


Antonio Carlos Banha (PMDB)

Cacá Teixeira (PSDB)

Carabina (PR)

Douglas Gonçalves (DEM)

José Lascane (PSDB)

Marcus de Rosis (PMDB)

Murilo Barletta (PR)

Orlando Rollo (PSDB),
suplente do Hugo Duppre

Professor Kenny (DEM)

Roberto Oliveira (PMDB)

Sandoval Soares (PSDB)

UNIDADE NA LUTA PARA BARRAR
A ENTREGA DO PATRIMÔNIO PÚBLICO!
TODOS NA CÂMARA SEGUNDA ÀS 17H!

Deixe um Comentário

Você precisa fazer login para publicar um comentário.