Cerca de 4,5 mil servidores que conseguiram na justiça a diferença no salário em relação ao PAV (Plano de Avaliação de Desempenho) do antigo PCCS estão sendo lesados pela Prefeitura. Com a implantação do Plano de Cargos Carreira e Vencimentos (PCCV) o Departamento de Recursos Humanos da Administração desconsiderou esses valores, aplicando o reenquadramento sem levar em conta a diferença adquirida na Justiça.

Dessa forma, os trabalhadores com ação do PAV ganha estão recebendo seus pagamentos com valores até 16% menores.

O Sindserv já exigiu ao Governo que a situação seja normalizada. Em reunião realizada na última quinta-feira, o secretário de Gestão Edgard Mendes Baptista Jr, disse que o caminho para a revisão é cada trabalhador entrar com processo administrativo, via Procuradoria do Município.
O Sindserv não concorda e se o problema não for resolvido até 25/07 deverá entrar com ação coletiva na Justiça.
Os servidores em questão levaram mais de 10 anos para conseguir conquistar a diferença relativa ao PAV e não podem ser mais uma vez prejudicados!

Veja abaixo a matéria publicada na imprensa.

Confira a tabela

 

Nível salário correto

salário pago pela PMS

em junho

grana que veio a

menos

B 931,77 861,89 126,88
C 1.004,49 867.75 136,74
D 1.159,94 1.001.99

157,95

E 1.252,26 1.081,76 170,50
F 1.353,66 1.168,65 185,01
G 1.462,52 1.263,35 199,17
H 1.582,12 1.366,74 215,38
I 1.712,85 1.479,70 233,15
J 1.855,87 1.603,13 252,74
L 2.012.33 1.738,29 274,04
M 2.183,73 1.886,41 297,32
N 2.371,45 2.048,58 322,87
P e atuais Q 2.706,22 2.337,77 368,45

Médicos e

dentistas

5.967,62 5,154,62 813,00

Deixe um Comentário

Você precisa fazer login para publicar um comentário.