Após as monitoras de creche marcarem presença novamente na sessão da Câmara, os vereadores da Comissão Permanente de Educação Braz Antunes (vice-presidente) e Marcelo Del Bosco (terceiro membro), se comprometeram em não incluir o projeto de lei que trata do reconhecimento das monitoras como professoras na pauta sem discussão prévia entre as profissionais e o sindicato.

O projeto, de autoria do Executivo,  está previsto para ser protocolado no próximo dia 28. As monitoras tiveram o compromisso dos vereadores de que uma reunião será marcada para discutir a necessidade ou não de ajustar o texto final da proposta,

Mais uma vez a mobilização foi o caminho correto para avançar rumo à conquistas. Foi a pressão exercida pelas monitoras que gerou a iniciativa do Governo em resolver a questão. Essa futura conquista, em especial, é muito importante em razão dos longos anos de espera por reconhecimento e valorização.

SÓ A LUTA MUDA A VIDA!

 

 

 

 

Deixe um Comentário

Você precisa fazer login para publicar um comentário.