Nos dias 19, 20 e 21 de fevereiro, das 7h às 21h horas, o SINDSERV (Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Santos) realiza eleição para a diretoria que comandará a entidade nos próximos quatro anos.

O estatuto do SINDSERV determina que a eleição seja iniciada e concluída entre 8 de fevereiro e 8 de abril, período que coincide com a campanha salarial da categoria.

Pensamos em alterar a data da eleição, mas para isso teríamos que alterar o estatuto do sindicato em uma assembleia com 1400 associados presentes (quórum mínimo para mudança do estatuto), o que seria muito difícil de realizar até mesmo se fosse uma assembleia para discutir salário ou Plano de Carreira.

Sendo assim, propomos um processo que interfira o mínimo na campanha salarial. Mas atenção: essa agilidade depende dos associados votarem massivamente nos três dias da eleição, dando o quórum exigido pelo estatuto.

Para facilitar o acesso dos associados ao direito ao voto, além do local fixo de votação na sede da entidade, 14 urnas percorrerão todos os locais de trabalho, nos mais variados horários. Todos os 4.300 sócios foram comunicados por correspondência sobre as datas e horários da eleição e o edital de convocação das eleições está disponível da página sindical do jornal A Tribuna de 29/01 e no site do Sindserv (clicar em boletim eletrônico para visualizar).

Caso o quórum não seja atingido, o estatuto determina que haja mais três dias de votação em segundo escrutínio, nos dias 5, 6 e 7 de março. Neste caso, a eleição se arrastará no decorrer da campanha salarial e o sindicato teria de gastar o dobro de dinheiro com novas correspondências para os associados, aluguel de carros para transportar novamente as urnas, mais alimentação para mesários, horas extras para funcionários do sindicato, entre outros gastos.

Conclamamos aos associados que participem ativamente da eleição, para manter o sindicato na luta e ajudar a poupar seus recursos financeiros.

Deixe um Comentário

Você precisa fazer login para publicar um comentário.