Na última segunda-feira o sindicato e dezenas de servidores entregaram a pauta de reivindicações da Campanha Salarial de Emergência no gabinete do prefeito Papa.

Cumprindo com o que foi decidido na assembleia vamos aguardar que o prefeito se manifeste sobre o assunto e chame a categoria para reabrir as negociações.

Independentemente da postura de Papa, uma assembleia marcada para o próximo dia 30 será realizada no Sindicato dos Metalúrgicos (Av. Ana Costa, 55), às 19 horas. Caso a administração chame para negociar, a assembleia servirá para discutirmos se aceitamos ou não a contraproposta. Se não houver retorno do Governo, vamos definir estratégias de mobilização para pressionar a abertura das negociações.

Veja o que estamos reivindicando:

– Reajuste salarial de 21,5%.

– Cesta básica de R$ 196,00 extensiva a todos os servidores e aposentados.

– Vale refeição de R$ 330,00 extensivo a todos os servidores e aposentados.

– Pagamento do PAV já.

– Fim das contratações pela Lei 650.

– Concurso público para preencher os cargos vagos e ocupados pelos contratados.

– Extensão da Capep aos celetistas estáveis.

– Eleição direta na Capep.

NÓS AJUDAMOS A CONSTRUIR A RIQUEZA DESTA CIDADE! MERECEMOS SALÁRIO JUSTO, RESPEITO, DIGNIDADE E MELHORES CONDIÇÕES DE TRABALHO!

Deixe um Comentário

Você precisa fazer login para publicar um comentário.