Além do ofício cobrando o pagamento da Letra de 8 anos aos trabalhadores que têm mais de 8 anos de Prefeitura, o SINDSERV entregou na última quinta ao chefe de gabinete do prefeito Papa, Edson Pinzan, a solicitação para regularização imediata do pagamento dos servidores contemplados com ações judicais relativas ao PAV.

Após a implantação do PCCV, cuja vigência data do último dia 25 de junho, verificou-se que os servidores já enquadrados no antigo PCCS por ordem judicial não receberam a complementação referente a referência determinada pela avaliação de 1996.

Com o ofício devidamente protocolado, o SINDSERV espera resolver a questão administrativamente e na base da luta política. Caso não surta efeito, o sindicato não descarta o ingresso de ação coletiva na Justiça.

A pressão continua!

Veja abaixo o conteúdo do ofício.

Deixe um Comentário

Você precisa fazer login para publicar um comentário.