Como previsto, mais uma vez os vereadores votaram bovinamente o Projeto de Lei enviado pelo prefeito Paulo Alexandre Barbosa. Essa Câmara (que se diz autônoma) não rejeitou NENHUM projeto enviado pelo Executivo. A segunda votação acontecerá na próxima quinta-feira (19/02) às 18h. 
 
A revolta dos servidores era grande. Difícil conter tamanha indignação frente ao enorme desrespeito que a Prefeitura trata seus funcionários. Os trabalhadores REJEITARAM por unanimidade a proposta, mesmo assim a administração municipal enviou o Projeto de reajuste para a Câmara afim de encerrar a Campanha Salarial de forma unilateral e autoritária.
 
A revolta também era voltada contra o Sindest que, mais uma vez, serviu de braço patronal no meio da categoria. Vale lembrar que o Sindserv não tem o poder de decretar o fim do outro sindicato, ou ordenar pela unificação. Já organizamos até mesmo um plebiscito para tentar encaminhar essa unificação, mas a direção do Sindest resolveu trair a categoria e não encaminhar a unificação conforme haviam prometido em sua campanha (veja aqui).
 
Os vereadores também foram alvo da ira dos trabalhadores. Não é pra menos, com muito cinismo e hipocrisia eles aprovaram sem pestanejar o Projeto enviado pelo chefinho. Até mesmo quem se diz de oposição votou junto com a base governista e usou o mesmíssimo discurso oficial: "Uma parcela dos servidores aceitou, então temos que aprovar…". Pura manipulação de informação, já que é sabido por todos que apenas o Sindserv representa de fato os servidores.
 
Se eles vão aprovar de qualquer jeito, pra quer ir na segunda votação?
Independente se os cordeirinhos irão aprovar ou não o Projeto, os servidores resolveram lotar as galerias da Câmara mais uma vez. Fazer o máximo barulho e exigir respeito. Quanto mais pressão, menos seremos desacatados no futuro. Quanto mais desgastarmos a imagem desses políticos, mais terão que pensar antes de pisar no calo dos trabalhadores.
 
Encerraremos a Campanha Salarial 2015 de cabeça erguida! Fizemos o que a categoria decidiu e que todo sindicato que se preza deve fazer: Lutar contra o autoritarismo desse governo, a favor da dignidade e pelo respeito aos trabalhadores!
 
SERVIDOR MERECE RESPEITO!
TODOS À SEGUNDA VOTAÇÃO!
19/02 (QUINTA-FEIRA), 18h!

Deixe um Comentário

Você precisa fazer login para publicar um comentário.