Mais de 2 mil servidores lotaram o ginásio

TODOS À PRÓXIMA ASSEMBLEIA*!
SEGUNDA-FEIRA (27/03), às 19h, na
Associação Atlética dos Portuários de Santos (R. Joaquim Távora, 424 – Marapé)

A noite do dia 23/03 ficará marcada na história dos servidores de Santos que lotaram o ginásio da Associação Atlética dos Portuários. Milhares de funcionários públicos decidiram por unanimidade pela REJEIÇÃO completa da “proposta” do governo e pela manutenção da greve.

No intuito de tentar abrir o diálogo com a Prefeitura, os trabalhadores também aprovaram uma diminuição na reivindicação de reajuste salarial. Inicialmente a categoria pedia a reposição da inflação (5,35%) mais 5% relativos à perdas históricas (7 anos sem reajuste nos governos de Beto Mansur), agora o índice pedido é de 5,35% (inflação) mais 1,65% (perdas históricas), totalizando 7% (mesmo reajuste dado pelo prefeito no IPTU), retroativo à fevereiro.

Diferente dos trabalhadores que estão fazendo de tudo para que haja uma tentativa de conciliação, Paulo Alexandre foge de qualquer negociação e corre de Tribunal em Tribunal tentando prejudicar os servidores.

O sindicado não foi notificado oficialmente sobre nenhuma decisão judicial exceto a que determinou mínimo de 40% na Saúde. Portanto, o SINDSERV Santos continua obedecendo integralmente o que foi determinado pelo juiz José Vitor.

Assim que for notificado, o sindicado entrará com todas as medidas possíveis para garantir o que determina de fato a Lei de Greve. A categoria também será informada imediatamente e decidirá o que fazer na ASSEMBLEIA DA GREVE* que teve que ser antecipada para SEGUNDA-FEIRA (27/03), às 19h, novamente na Associação Atlética dos Portuários de Santos (R. Joaquim Távora, 424 – Marapé).

*ATENÇÃO: Assim como na assembleia anterior, somente será permitida a entrada de pessoas com documento que comprove ser servidor de Santos.

A GREVE CONTINUA!
PREFEITO, A CULPA É SUA!
TODOS À ASSEMBLEIA!

Deixe um Comentário

Você precisa fazer login para publicar um comentário.